universidade

Encontrando a universidade certa nos Estados Unidos

Neste artigo compartilharemos informações muito úteis para nossos alunos, no Brasil, que desejam vir aos Estados Unidos para cursar a universidade. Para começar temos um bom conselho: encontre a universidade certa nos Estados Unidos!

A escolha de uma universidade nos Estados Unidos envolve mais do que um nome ou selo no diploma. O local onde um aluno vai para a universidade afeta vários aspectos de sua vida, desde os estudos acadêmicos até as atividades sociais e muito mais. Considerando a importância desta decisão, os futuros alunos universitários devem pensar cuidadosamente sobre onde eles decidem se matricular ao examinar suas opções.

Você foi aceito por várias universidades nos Estados Unidos? Essa é uma posição invejável – embora possa não parecer. Siga estas 10 etapas para ajudá-lo a tomar uma decisão mais assertiva sobre qual universidade cursar nos Estados Unidos.

Desenvolva sua lista de universidades nos Estados Unidos

Deve-se pensar muito no desenvolvimento de uma pequena lista de universidades norte-americanas que você gostaria de frequentar. Mas que tipo de fatores você deve pensar ao elaborar essa lista? Brennan Barnard e Rick Clark, autores de “The Truth About College Admission: A Family Guide to Getting In and Staying Together“, incentivam os alunos a pensar sobre a localização, tamanho das matrículas, especializações e programas, as pessoas no campus, oportunidades fora da sala de aula, custo e seletividade.

Classifique suas prioridades antes de escolher sua universidade nos Estados Unidos

Reserve um tempo para fazer seu próprio ranking, pesando os prós e os contras de uma universidade norte-americana específica quando estiver trabalhando para escolher a universidade certa. Considere cuidadosamente seus desejos e necessidades ao pensar onde passará os próximos quatro anos ou mais. Uma maneira de fazer isso, escrevem Barnard e Clark, é criar uma lista desses desejos e necessidades.

Não procrastine

Os prazos para candidaturas em universidades dos Estados Unidos podem variar dependendo da instituição, mas as inscrições normalmente são até janeiro para a admissão regular de outono. Os especialistas sugerem que o processo de inscrição seja iniciado no início do último ano do ensino médio. E planeje bastante tempo para visitas às universidades (se possível), realização dos testes padronizados, escrever redações e pedir as cartas de recomendação.

Visite as universidades dos EUA de seu interesse antes e depois da sua candidatura (se possível)

Assim que as candidaturas forem feitas, novamente, é hora de pensar bem sobre onde você deseja comparecer, o que pode resultar na necessidade de outra visita. Embora você deva ter uma ideia da vida no campus durante a pesquisa inicial, faça uma ou outra viagem para cada universidade e pergunte de 10 a 15 questões detalhadas, diz Bob Roth, autor de vários livros sobre o sucesso na universidade. Saiba antes de chegar o que você mais quer perguntar na sua visita e não saia com perguntas sem resposta. Claro, realizar um tour pelo campus pode ser caro, principalmente saindo de outro país, considerando os custos de viagem. Se uma viagem com esse objetivo estiver fora de questão, dê uma segunda olhada no campus por meio de um tour virtual e entre em contato com os funcionários da universidade para esclarecer quaisquer dúvidas.

Concentre-se em seu objetivo final

Pergunte a si mesmo onde deseja estar em quatro anos. Se você conseguir imaginar um emprego razoável e uma perspectiva financeira, pense em qual universidade dos Estados Unidos pode ajudá-lo melhor a atingir esses objetivos.

Os custos das mensalidades variam de acordo com a universidade. Os dados do U.S. News para o ano letivo de 2019-2020 indicam que as universidades públicas tendem a ter os preços mais baixos, com uma média de US$10.116,00*, em comparação com US$36.801,00* nas escolas privadas. Mas observe as palavras-chave “preço de etiqueta”. Embora as universidades particulares tendam a ter um preço mais alto, também pode haver mais ajuda institucional, o que significa que os alunos e suas famílias podem não pagar o custo total do curso.

*Valores apresentados podem estar desatualizados ou não refletir a atual realidade, confira o valor da universidade da sua escolha no site da instituição.

Aprofunde-se nos departamentos das universidades dos Estados Unidos

Os rankings das universidades nos Estados Unidos podem ser uma ferramenta no processo de decisão, mas não se esqueça de que o prestígio acadêmico também pode ser examinado em uma escala menor. Pesquise os departamentos em que você estudaria, diz Roth. Uma universidade é mais conhecida por sua especialização oferecida em um departamento especifico? Os professores estão ativamente engajados no departamento? Visite os sites das universidades e entre em contato com os professores para obter mais informações. O U.S. News também classifica programas de graduação específicos em negócios e engenharia.

Investigue as conexões de trabalho que a universidade nos Estados Unidos pode oferecer

Um dos motivos pelos quais você vai para a universidade nos Estados Unidos é para se preparar para um emprego, portanto, considere o centro de carreiras de cada universidade. Roth recomenda que os alunos façam perguntas sobre feiras de empregos, oportunidades de entrevista no campus e até mesmo a proporção de conselheiros para alunos. Certifique-se de que os recursos são suficientes para fornecer a ajuda de que você precisa. Os centros de carreiras oferecem uma variedade de serviços, ajudando os alunos a desenvolver habilidades pessoais, fornecendo dados de empregos e salários, promovendo oportunidades de estágio, conduzindo entrevistas simuladas, explicando os processos de contratação e muito mais.

Compare possibilidades de bolsa de estudo e financiamento ao escolher sua universidade nos Estados Unidos

Se você deseja se formar na universidade nos Estados Unidos com pouca ou nenhuma dívida, compare cuidadosamente os pacotes de financiamento disponíveis. É aconselhável olhar além da mensalidade e ver quais outras taxas se aplicam. Além disso, entenda a diferença entre “dinheiro grátis” – como doações e bolsas de estudo – e empréstimos, que você terá que pagar eventualmente. Algumas universidades oferecem pacotes de ajuda financeira generosos que atendem a todas as necessidades financeiras, o que significa que os alunos não são obrigados a fazer empréstimos.

Tenha compromisso com suas candidaturas as universidades nos Estados Unidos

“O processo de admissão pode fazer sua mãe ou seu pai ficarem meio malucos às vezes”, escrevem Barnard e Clark em “The Truth about College Admission”. Os autores incentivam as famílias a abraçar a experiência da admissão como uma chance de crescer e aprender juntos, dedicando tempo para apoiar, encorajar, confiar e elevar uns aos outros. Eles enfatizam que as famílias devem se concentrar nas coisas que podem controlar, em vez do que acontece “a portas fechadas em escritórios de admissão de faculdades a centenas de quilômetros de distância”.

Não se importe tanto com a rejeição

Descobrir que você não foi aceito em uma universidade dos Estados Unidos de primeira linha pode ser difícil, Roth reconhece, mas tente não insistir na rejeição. Um resultado ainda pior seria deixar o desapontamento impedir a decisão que você ainda precisa tomar. Algumas universidades são altamente seletivas, com taxas de aceitação na casa de um dígito. Mas, na maioria das universidades, as chances gerais de admissão são boas. A taxa de aceitação média nacional em instituições de quatro anos para os candidatos do primeiro ano foi de 66,7% no outono de 2017, de acordo com um relatório da National Association for College Admission Counseling.

Aprenda mais sobre as universidades nos Estados Unidos

Obtenha mais conselhos sobre como escolher uma universidade nos Estados Unidos e verifique as classificações completas das Melhores Faculdades para encontrar a escola que é melhor para você.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco, nossa equipe especializada estará à disposição para te atender.

Não se esqueça, aluno High School Genium tem o Conselheiro Americano para ajudar nas candidaturas a universidades dos EUA. A assessoria do Conselheiro Americano também pode ser adquirida a parte, caso deseje.

Quer mais conteúdo? Confira esse blog sobre como funcionam as universidades nos Estados Unidos: https://www.geniumeducation.com.br/universidade-dos-eua/

Escrito e editado em inglês por Andy Ross, Conselheiro Americano Genium Education.

Traduzido e editado em português por Victor Vasques.

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email